Lighting designer: como pode auxiliar você nas suas obras?

Lighting designer: como pode auxiliar você nas suas obras?

A profissão de lighting designer talvez não seja tão conhecida no Brasil, mas as técnicas de arquitetura, design e iluminação para a criação de ambientes não são novidade. A luz, além de trazer claridade para o desempenho de tarefas durante horários em que o sol não está disponível, é determinante também para criar ambientes.

No post a seguir, contamos para você tudo sobre o que é lighting desing, ou design de iluminação, e como essa técnica pode ajudar a trazer ainda mais beleza para suas obras. Venha conosco!

O que é a profissão de lighting designer?

O lighting designer — iluminador, ou designer de iluminação — é um profissional que usa a luz como matéria-prima e trabalha com técnicas de iluminação para criar ambientes. Dessa forma, essa profissão agrega tanto arte quanto ciência e tecnologia para atingir os resultados desejados de iluminação.

Aliás, conforme a International Association of Lighting:

“iluminação é o parceiro efêmero da arquitetura. A luz é invisível até que atinja um objeto ou superfície. E é controlar esse meio difícil e transitório que dá ao ‘artista’ da iluminação a capacidade de criar hierarquias, dinâmicas e clima.”.

Portanto, além de conhecer as propriedades científicas da luz (cor, distribuição, intensidade e movimento), o lighting designer também deve saber interpretar os princípios artísticos da luz. Dessa forma, esse profissional é capaz de melhorar a visibilidade, suavizar elementos mais agressivos e realçar os aspectos a que se deseja dar destaque. Tudo isso com o intuito de melhorar a estética de um ambiente e torná-lo mais agradável.

Nesse contexto, o lighting designer trabalha principalmente em duas frentes:

- em prédios novos ou em construção, trabalhando junto a engenheiros, arquitetos e proprietário como um consultor de iluminação;

- em filmes, produções teatrais, peças musicais ou outras produções artísticas, junto a diretores, cenógrafos e produtores.

Os lighting designers residenciais são profissionais qualificados para distribuir a iluminação corretamente dentro da casa, criando atmosferas relaxantes e valorizando os aspectos estéticos mais interessantes para os proprietários. Alguns lighting designers dizem que um bom projeto de iluminação transforma uma casa em um lar.

Para a luz colaborar na construção do lar, você pode seguir estas dicas de iluminação de casa:

- Facilite a circulação entre os cômodos criando um caminho de iluminação; verifique se esse caminho leva em conta também a luz natural e as variações dela ao longo do dia;

- Em uma sala, busque equilibrar os principais tipos de iluminação: de realce, ambiente e tarefa;

- Verifique as normas de instalações elétricas e os padrões de eficiência energética;

- Procure destacar detalhes arquitetônicos e outras áreas visuais de interesse.

Esses são os aspectos mais arquitetônicos e artísticos do projeto de iluminação que um lighting designer realiza. Além desses fatores, o profissional deve levar em conta fatores técnicos, como:

- A idade das pessoas que vivem na residência (a luz forte e o brilho tendem a irritar os olhos dos mais velhos);

- Qual será a utilização da área (algumas áreas, como escritórios, requerem mais luz que outras);

- Cor das paredes (lembrando que cores escuras absorvem mais luz do que cores claras);

- A altura e a forma do teto, que interferem na reflexão da luz;

- Padrões de circulação de pessoas na área;

- Tamanho e forma da área a ser iluminada;

- Iluminação embutida;

Além dos lighting designers de residências, existem os iluminadores cênicos, que trabalham na área do entretenimento e das artes, também chamados de lighting designers cênicos.

Como usar o design de iluminação para agregar valor ao meu projeto?

Algumas dicas de lighting design para aplicar em sua casa são:

- Cozinhas precisam de iluminação clara, enquanto quartos e salas podem utilizar luzes mais suaves;

- Todo projeto de design de luzes deve levar em conta a cultura dos moradores, já que eles vão conviver com tais luzes;

-Um bom lighting design leva em conta a iluminação natural e aproveita-a da melhor forma possível. Nada substitui a luz do sol;

- Lembre-se de que design significa agregar estética à funcionalidade. Então, busque sempre deixar seu projeto funcional para que ele cumpra a missão de transformar a casa em um lar;

Assim, entre outras funções, o lighting designer é o profissional que usa a luz para criar ambientes diferenciados no interior de uma residência. Por meio da aplicação de técnicas de iluminação adequadas, é possível valorizar e trazer a atenção para aspectos estéticos da arquitetura, o que agrega valor e bom gosto para as obras.

Quer conhecer mais dicas como essa? Leia nossos conteúdos sobre arquitetura e design de interiores!



Copyright © 2013-presente Magento, Inc. Todos os direitos reservados.