Saiba quais são os níveis de tensão elétrica

Saiba quais são os níveis de tensão elétrica

Entender sobre quais são e como funcionam os níveis de tensão elétrica é um ponto muito importante para os profissionais que trabalham com energia. Porém, esse é um assunto que gera muitas dúvidas, pois no Brasil há uma grande variedade de tensões. Em uma mesma cidade, por exemplo, pode haver três níveis diferentes, o que acaba trazendo bastante confusão.

Para saber como são classificadas as tensões e evitar contratempos em sua rotina de trabalho ou em seu dia a dia em casa, é necessário compreender que, desde a geração até a distribuição, elas alcançam diferentes níveis. Isso acontece por diversos fatores, porém existem normas a respeito e o entendimento delas é muito importante.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira as informações que apresentamos aqui para você.

 

O que é tensão elétrica?

A tensão elétrica, também chamada de diferença de potencial, é definida como a energia potencial elétrica por unidade de carga elétrica, ou seja, armazenada em cada coulomb de carga elétrica em um campo elétrico não nulo. Dessa maneira, essa grandeza física mede a diferença de potencial entre dois pontos. Sua medida é o volt, representado pela letra V, segundo o Sistema Internacional de Unidades. 

Por meio da tensão elétrica acontece o movimento de cargas, que resulta em uma diferença de potencial e, consequentemente, na geração de corrente elétrica. É isso que ocorre quando ligamos um aparelho eletrônico na tomada: ao circuito elétrico dele é aplicada uma diferença de potencial, fazendo com que os elétrons percorram o material condutor.

Para calcular essa grandeza, usa-se a fórmula U = Ep/q. Em que:

U é a tensão elétrica (V)

Ep é a energia potencial elétrica (J)

q é a carga elétrica (C)

O resultado desse cálculo é a diferença de potencial elétrico, ou seja, a força necessária para deslocar a carga entre dois pontos. 

 

Níveis de tensão no Brasil

Em nosso país, residências, comércios e indústrias podem ser alimentados com diferentes níveis de tensão. Esses valores podem variar conforme a localidade.

Para conhecer os níveis de tensão de determinada cidade, deve-se consultar a Agência Nacional de Energia Elétrica. A ANEEL, que elabora as regras sobre o fornecimento de energia, disponibiliza essa informação em seu site.

Os níveis de tensão encontrados no Brasil são 115 volts, 127 volts, 220 volts, 230 volts, 240 volts, 254 volts, 380 volts e 440 volts. Quando encontramos a informação, por exemplo, de 220/380 volts, deve-se concluir que 380 volts equivalem à tensão de linha, enquanto 220 Volts referem-se à tensão de fase.

 

Classificação de tensão segundo a NR-10

Há uma classificação estabelecida pela norma regulamentadora NR-10, em que as tensões elétricas são divididas. Essa classificação é importante para a segurança, uma vez que a própria norma orienta que apenas profissionais devidamente capacitados tenham acesso aos níveis que apresentam maior risco.

A classificação de tensão elétrica pela NR-10 é feita da seguinte maneira:

- tensão de segurança — uma extra-baixa tensão que origina-se de uma fonte segura;

- extra-baixa tensão — tensão de até 50 volts em corrente alternada e de até 120 volts em corrente contínua;

- baixa tensão — tensão entre 50 e 1.000 volts em corrente alternada e entre 120 e 1.500 volts em corrente contínua;

- alta tensão — tensão superior a 1.000 volts em corrente alternada ou 1.500 volts em corrente contínua.

Trabalhar com energia elétrica é, realmente, uma tarefa que exige bastante atenção. Por isso, conhecer bem os níveis de tensão elétrica é fundamental para que os profissionais possam trabalhar com mais segurança, cumprindo as exigências das normas, além de evitar danos aos equipamentos e, principalmente, à integridade física. 

Acesse nosso blog e conheça mais informações sobre a NR-10.

Seja um afiliado ABB e tenha muitos benefícios! | Saiba mais | ABB



Copyright © 2013-presente Magento, Inc. Todos os direitos reservados.